Tem irmão humano a caminho? Veja como preparar seu cão para a chegada do bebê.


Assim como um "irmão mais velho", o cachorro precisa ser preparado para a chegada do bebê e não pode ser esquecido.

Nem todo cão gosta de compartilhar a atenção com um pequeno ser, que chegou de repente, chora e tem um cheiro diferente. A chegada de um bebê mexe com toda a família e afeta os cães também.

Mudanças na rotina do seu cãozinho devem ser feitas gradativamente. Renita Figueira conta que sentiu que seus cães se aproximaram ainda mais. “O Tobby só dormia nos meus pés e passou a dormir ao lado da barriga.”

Como preparar o cão para a chegada do bebê:

Leve o cão para conviver com outras crianças para começar a adaptá-lo. Isso poderá ser feito através de passeios diários.

Caso não tenha tempo de adequar os passeios diários a nova rotina, a Cão Passeador dispõe de passeadores profissionais, que além de gastar a energia e tranquilizar o cão, promove socialização. Clique aqui para nos conhecer :)

Evite mudanças drásticas na rotina para que o cão não sofra.

Deixe o cão cheirar o enxoval e os objetos do bebê. Renita Figueira deixou seus cães participarem desde o começo, cheirando a barriga, lambendo “Falava que estava esperando o irmão e quando Lucca chegou em casa, a primeira coisa que fiz foi leva-lo até os cachorros”, conta.

Com cães mais possessivos, use uma boneca como se fosse uma criança, durante a gravidez, dessa forma, o cão perceberá que o colo será compartilhado.

Não associe o bebê a algo negativo para o cão, como perda de território e atenção.

Manter a vacinação em dia e fazer um check-up no cãozinho.

Acostume o cão ao choro e sons de bebês. Utilize vídeos do youtube :)

Não esqueça seu cãozinho com a chegada da criança. Tenha um horário do dia para brincar com ele.


0 visualização

© Cão Passeador. Todos os direitos reservados. | CNPJ 21.792.962/0001-09